Close

Growatt lança novo inversor para o mercado brasileiro

Date: 2022-03-08

A fabricante de inversores fotovoltaicos Growatt anunciou a nova série MAX 100-125KTL3-X LV. Os equipamentos são configurados com uma potência máxima de saída de 125 kW, que é a potência mais alta do inversor de string com vários MPPTs no nível de 400Vac.

De acordo com Talyson Alves, gerente de Marketing da Growatt, o produto possui corrente de entrada CC máxima atingindo 32A para cada MPPT e 16A para cada string.

“O novo inversor MAX combina bem com módulos de alta potência e com os  bifaciais. Seus 10 rastreadores MPP suportam conexão de no máximo 20 strings, o que reduz significativamente a perda de energia causada por efeito de sombra e incompatibilidade de módulo”.

Segundo informações da empresa, esse novo modelo suporta uma relação DC/AC de até 150% para obter um LCOE mais baixo para plantas fotovoltaicas.

Com sua ampla faixa de trabalho MPPT de 180V a 1000V, o inversor pode trabalhar no início da manhã e desligar no final da tarde, realizando um tempo de operação mais longo e captando muito mais energia solar.

Ao pensar na segurança, a Growatt, aumentou com SPD Tipo II nos lados CC e CA, design sem fusíveis, interruptor CC integrado, proteção IP66, bem como proteção contra arco ativo opcional (AFCI) e recuperação PID integrada para fornecer proteção completa para o inversor e mesmo todo o sistema fotovoltaico. “Assim como os demais produtos da Growatt o Max já 500MW de remessas, sendo um sucesso de vendas”, declarou Alves.

“A Growatt fornece uma ampla gama de soluções fotovoltaicas inteligentes para plantas solares residenciais, comerciais e industriais e em grandes usinas.  Os inversores fotovoltaicos de cadeia inteligente da Growatt, com capacidade variando entre 0,75 kW a 253 kW, juntamente com a plataforma de monitoramento online (OSS) alcançam rendimentos mais altos e fornecem segurança superior e um custo-benefício muito mais interessante para os clientes”, acrescentou.

De acordo com a empresa, o novo centro no Paraná contará com uma gama de serviços, como call center, assistência técnica para reparos, estoque e reposição, além de doca. “São 800 m² de área útil e vamos também gerar novos empregos. Ao total serão mais de 20 pessoas integrando a equipe de Maringá”, disse o executivo.


Fonte: canalsolar